Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Clube de Gatos do Sapo

Este blog pertence a todos os gatos que andam aqui pela plataforma do Sapo, e que pretendem contar as suas aventuras do dia a dia, dar conselhos, partilhar experiências e conhecimentos, e dar-vos a conhecer o mundo dos felinos!

Clube de Gatos do Sapo

Este blog pertence a todos os gatos que andam aqui pela plataforma do Sapo, e que pretendem contar as suas aventuras do dia a dia, dar conselhos, partilhar experiências e conhecimentos, e dar-vos a conhecer o mundo dos felinos!

Distinções entre animais e humanos

 

No outro dia, em conversa com o meu marido, afirmávamos que as nossas gatas são, para nós, como "filhas".

No entanto, quanto a mim, ainda assim consigo fazer determinadas distinções entre filhos humanos, ou "filhos" felinos.

Dei como exemplo uma história que já aqui publiquei no Clube, de uma mulher que terminou a sua relação com o namorado porque este, sem intenção, deixou fugir o gato dela, que nunca mais apareceu.

Ora, colocando-me nessa situação, e chegou a acontecer, por vezes, deixarmos escapar a Tica pela porta ou pela janela, e ela ir dar uma curva, e apesar de amar muito a Tica, não conseguiria culpar o meu marido, e penso que ele também não se fosse eu a fazê-lo, nem a terminar o nosso casamento por causa desse incidente.

Já se o mesmo acontecesse com a minha filha, deixá-la à responsabilidade dele, e ela desaparecer estando a seu cargo, sei que não conseguiria continuar ao lado dele por muito tempo, por mais que não tivesse sido intencional. Acredito que acabaria, voluntaria ou involuntariamente, por culpabilizá-lo e isso destruiria a relação.

O meu marido diz que não concorda. Dei-lhe o exemplo do irmão dele, que é a pessoa mais próxima, mas ele continua a afirmar que, se isso acontecesse com ele, nunca iria reagir dessa forma que afirmo. Eu, tenho as minhas dúvidas!

De qualquer forma, noutras situações, as nossas gatas são mesmo tratadas como se fossem filhas, com direito a atenção, mimos, preocupações, brincadeiras, gastos.

Por isso, a nível geral, as distinções não são assim tão grandes como possam parecer.

E na vossa opinião, quais são as principais diferenças na forma como vêem os vossos gatos, e os humanos á vossa volta? Em que situações consideram que é mais fácil perceber essa distinção, na vossa convivência com os animais?

 

  • Blogs Portugal

  • 6 comentários

    Comentar post