Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Clube de Gatos do Sapo

Este blog pertence a todos os gatos que andam aqui pela plataforma do Sapo, e que pretendem contar as suas aventuras do dia a dia, dar conselhos, partilhar experiências e conhecimentos, e dar-vos a conhecer o mundo dos felinos!

Clube de Gatos do Sapo

Este blog pertence a todos os gatos que andam aqui pela plataforma do Sapo, e que pretendem contar as suas aventuras do dia a dia, dar conselhos, partilhar experiências e conhecimentos, e dar-vos a conhecer o mundo dos felinos!

Duas gatas, duas personalidades!

IMG_2607.JPG

 

 

 

Se a Amora fosse uma artista de circo, seria contorcionista!

Nunca vi uma gata com tanta elasticidade naquele corpo, e uma capacidade tão grande de se contorcer das formas mais estranhas, sobretudo quando está a dormir, que temos a sensação de que, a qualquer momento, os ossos vão partir, e o pescoço torcer. 

 

IMG_2582.JPG

 

 

Se a Becas fosse artista de circo, seria trapezista!

Gosta das alturas, de andar a saltar de um lado para o outro como se estivesse a fazer acrobacias de um trapézio para o outro, e quem paga, muitas vezes, são as nossas pernas. Eu que o diga! Ainda no outro dia saltou da cadeira ca cozinha para as minhas pernas, que estavam a um metro de distância e, claro, agarrou-se às pernas com as unhas. Sim, já cresceram e estão bem afiadas. E, a continuar assim, prevejo um verão com pernas bem tapadinhas, ou cheias de buracos e arranhões!

 

IMG_2445.JPG

 

 

A donzela e a maria-rapaz

 

IMG_2474.JPG

 

A Amora é a típica donzela, aparentemente mais frágil (e digo aparentemente porque ela também sabe mostrar as garras, se tiver que ser) e muito feminina.

Se me perguntassem como eu a imaginaria vestida, seria com um vestido e um chapelinho na cabeça, ou então com uma sombrinha a protegê-la.

 

 

IMG_2476.JPG

 

A Becas é a típica maria rapaz, valente, destemida. Imagino-a vestida como uma mosgateira, de calças, camisa, botas de cavaleiro e espada em riste. Mas também sei que ela seria daquelas que, embora se mostrasse contrariada e até, indignada por ousarem colocá-la dentro de um vestido de meninas, no fundo, ficaria feliz. Porque, apesar de se mostrar maria rapaz, também tem o seu lado feminino, e daria igualmente uma bela princesa, embora não goste de o mostrar ou admitir.

 

 

As personalidades:

 

IMG_2565.JPG

 

A Amora mostra-se tal e qual como é, sem filtros, sem qualquer dúvida. 

A sua maior carência talvez seja a necessidade de poder ver o mundo lá do alto, e não sempre no chão. E é por isso que, muitas vezes, nos pede colo.

Mas fora isso, é completamente doida! No bom sentido, claro, mas nem sempre para seu próprio bem. Ela não mede por onde anda. Vai e pronto. E se cair, levanta-se e continua. E nós, ou pelo menos eu, nos momentos mais complicados e para evitar que ela fique mais nervosa ou stressada, deixo-a à vontade e afasto-me. E ela lá se desembaraça e faz tudo o que tem a fazer. 

Está a soltar-se cada vez mais, a tentar subir para sítios um pouco mais altos, mas nem sempre as coisas correm bem. Outras vezes, aos saltos na cama, não repara e cai no chão.

E deve ter uma adoração pela Becas. A Becas morde-lhe e nós separamo-las, mas a Amora não quer saber e volta para junto dela, mesmo sabendo que vai ser mordida outra vez. No entanto, por vezes, também sabe atirar-se à Becas, tal como esta lhe faz a ela, e retribuir-lhe as dentadas!

A Amora é das gatas mais meigas que já conheci, e é impossível não ficar rendida a ela!

 

 

IMG_2478.JPG

 

A Becas é a gata que manda lá em casa. 

E tem várias camadas na sua personalidade: a traquina, a carente, a meiguinha, a destemida mas, ao mesmo tempo, assustadiça, a exibicionista, a terrível, a amorosa.

Por vezes, é-nos difícil compreender o que vai naquela alma, principalmente quando faz uns miados estranhos, mas uma boa dose de mimos, atenção e festinhas parece satisfazê-la.

Costuma desafiar a Amora, mostrar que faz coisas mais incríveis que ela. Muitas vezes, vêmo-la a passar pela Amora, chateá-la e escapar-se como que a dizer "não me apanhas! Mas também é verdade que já vimos a Amora transformar-se na perseguidora, e a Becas a fugir dela com medo! 

A Becas gosta também de dominar todas as situações e brincadeiras. Se temos dois brinquedos na mão e mandamos um para cada uma, ela vai atrás do dela e volta atrás para brincar com o da Amora. Confesso que, se estiver um de nós sozinho, é difícil pô-las a brincar ao mesmo tempo cada uma com as suas coisas. É a Becas com tudo, e a Amora a olhar. É preciso fazer uma grande ginástica, e desviar as atenções de uma para um lado, e da outra para outro.

Mas também as deixamos a brincar sozinhas, e é vê-las doidas de um lado parao outro, a fazer surf pelo corredor fora fazendo da caixa de cartão a prancha. Por vezes, a prancha vira!

Temos duas caixas de cartão com brinquedos dentro, onde elas costumam estar a brincar. Estão ao lado uma da outra. Depois da brincadeira, damos com uma caixa em cada divisão diferente da casa, e os brinquedos espalhados por todo o lado! 

 

Para não fugir à regra relativamente aos restantes membros da família, são as duas teimosas!

 

 

 

 

  • Blogs Portugal

  • 3 comentários

    Comentar post