Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Clube de Gatos do Sapo

Este blog pertence a todos os gatos que andam aqui pela plataforma do Sapo, e que pretendem contar as suas aventuras do dia a dia, dar conselhos, partilhar experiências e conhecimentos, e dar-vos a conhecer o mundo dos felinos!

Clube de Gatos do Sapo

Este blog pertence a todos os gatos que andam aqui pela plataforma do Sapo, e que pretendem contar as suas aventuras do dia a dia, dar conselhos, partilhar experiências e conhecimentos, e dar-vos a conhecer o mundo dos felinos!

Apresentação de "Viagem ao Mundo dos Gatos"

 

Sem Título1.jpg

 

O Clube de Gatos do Sapo convida todos os seus seguidores para a apresentação do novo livro "Viagem ao Mundo dos Gatos", a realizar-se no próximo dia 4 de Junho, pelas 17 horas, no Animal Fest, no Parque Verde do Loures Shopping, em Loures.

 

As receitas com a venda do livro reverterão para as associações de protecção animal:

Tico & Teco

Projecto Amor Animal

 

Apareçam, e ajudem-nos a ajudar!

E partilhem o nosso evento - https://www.facebook.com/events/294707534316563/.

 

Em breve, teremos mais novidades e surpresas 

 

 

Aos novos membros

Resultado de imagem para novos membros gatos

 

Queria desde já dar as boas vindas aos novos membros que entraram recentemente para o Clube de Gatos do Sapo!

Esperamos que partilhem connosco imagens e aventuras dos vossos felinos, e que gostem de fazer parte deste nosso Clube.

Pedia-vos que fizessem um post de apresentação dos vossos gatos, com a tag "membros" para juntar aos restantes membros que já fazem parte.

O Mickey

20170108_201623.jpg

Boa Noite o meu nome é Mickey. Começei por me chamar Flor, pois os meus donos foram de Vila do Conde até Coimbra para adopar uma gata, há qual deram o nome de Flor, mas quando foi para castrarem a gata, a veterinária perguntou qual o nome do gato para colocar no boletim de vacinas / castramento, aí ficaram a perceber que afinal eu era macho e não fémea.

Já escrevi estes dois parágrafos e agora ta na hora de fazer o que eu mais gosto, que é me deitar em frente ao aquecedor a pensar na minha vida muito complicada...

Boa noite

"Abreijos"

NS

 

Violeta

Olá esta é a minha Violeta 

unnamed (17).jpg

Estamos juntas há dois anos e somos inseparáveis.

Sempre adorei gatos, alias sou doida por gatos e por mim tinha a casa cheia dele mas infelizmente não posso, já para conseguir ter a Violeta foi uma luta.

Em criança tive muitos gatos, o meu pai nunca foi fã mas a minha mãe a minha irmã e eu ganhávamos sempre, chegamos a ter dez, entre os de casa e os vadios que cuidávamos, depois o tempo passou, a minha mãe faleceu, os gatos foram desaparecendo e já não nos foi possível voltar a ter mais, também tivemos cães mas quando eles foram outros não voltaram para ocupar o seu lugar.

Já em adulta trabalhei 12 anos em Lisboa e aí nunca tive tempo nem espaço para animais mas quando o desemprego me bateu à porta e tive que voltar ao Algarve e a viver com o meu pai aí bati o pé...e voilá consegui.

A Violeta foi-me oferecida pela V depois de eu apregoar a meio mundo que queria um gato, fui busca-la a Almeirim ainda bebé e foi amor à primeira vista.

O meu pai que não gostava de gatos (dizia ele) agora não vive sem ela.

É uma gata doce quando quer  vai ao terraço mas só de trela porque é doida e sei que se a deixo nunca mais a apanho e há muitos perigos à espreita.

Enfim obrigada por nos deixarem fazer parte deste clube, nós iremos mostrando as nossas peripécias juntas.

 

unnamed (16).jpg

 

Cleo, de Sandra Pestana

Resultado de imagem para cleo sandra pestana

 

"Quando aquela porta se abriu e a vi a olhar para mim, percebi que eu era muito desejada. Ao pegar-me ao colo com carinho, aconchegar-me contra o peito e sussurrar-me ao ouvido que eu era a melhor prenda que já recebera, soube, de imediato, que tinha chegado a casa. Resolvi escrever este livro dias após ter perdido a minha companheira de todos os momentos. Pretende ser um tributo à sua memória. Imortal para mim, decidi imortalizá-la para o mundo!" - Sandra Pestana

 

 

No próximo domingo, às 17 horas, a autora Sandra Pestana estará na Casa da Baía, em Setúbal, para apresentar o seu livro.

O preço do livro reverte a favor da Associação Sobreviver e Projecto Conchinha, duas associações de defesa dos animais de Setúbal.

 

 

Oh, esqueci-me de me apresentar!

14012074_u8jEB.jpeg

 

Sou a Kat, fui adoptada em finais de agosto de 2010, tinha eu um mês de vida, no gatil de Braga.

Tinha mais irmãos mas a minha dona adorou as cores do meu pêlo e escolheu-me para me levar para casa.Mas fui levada porque já comia um pouquinho de ração e porque a veterinária do gatil deu autorização.

Cabia na palma da mão da Sofia, a sobrinha da minha dona. Foi ela quem muito insistiu que eu fosse adoptada, sabem?

Enquanto bebé eu fazia muitas asneiras, subia pelas costa acima da minha dona quando ela se dobrava para fazer alguma coisa cá em casa, como por exemplo, pôr a roupa a secar.

Nessa altura, eu adorava a minha pequena cama, mas à medida que fui crescendo, comecei a procurar outros sítios mais interessantes.

Fui esterilizada com  oito meses. E sou muito doida, sabem? Detesto ir ao veterinário e a última vez que lá fui portei-me muito mal.

Sabem que eu adoro comer? Se pudesse comia tudo o que a minha dona come. E ela fecha a porta da sala para que possa almoçar e jantar sossegada. Logo de manhã cedo, solto uns bons miaus para que ela se levante e me dê de comer.

Gosto muito dela porque ela fala muito comigo,às vezes chama-me ratinha porque um amigo dela disse que eu devia ser uma excelente gata a apanhar ratos.

E quando ela vai de férias, a Sofia toma conta de mim mas sei que a minha dona fica preocupada comigo e telefona muitas vezes a saber se estou bem.

Ah! Adoro caminhar por cima do computador quando ela está a escrever, ou ficar, apenas, a observá-la.

Pronto, já chega! 

 

Apresento-vos o Black!

Black 008.jpg

 

Não é fácil conseguir ver este bichano em condições, já que ele tem uns horários muito estranhos, quase sempre nocturnos. E, como se costuma dizer, "à noite todos os gatos são pardos"!

Ora aparece no nosso quintal já depois das 20h, ou de madrugada pelas 06.30h/07h, e a essas horas é de noite e está escuro.

Mas, agora que já não tem medo e se aproxima, a tarefa ficou mais fácil.

 

Black 005.jpg

Black 006.jpg

Black 007.jpg

 

As fotografias foram tiradas hoje de manhã, com alguma dificuldade porque o menino andava de um lado para o outro, a roçar-se e a enfiar-se entre as minhas pernas!

 

Black 004.jpg

Black 001.jpg

Black 003.jpg

É aparentemente meiguinho, gosta muito de festinhas e de se roçar em nós, mas de vez em quando, do nada, lembra-se de bufar ou pregar uma dentada. E não é que tem uns dentes bem afiados?! Ainda tenho aqui no dedo a marca da dentada que me pregou a semana passada!

 

Apresentação do Sheldon (Shéshé para os amigos)

Este é o Sheldon, tem 3 meses e é filho da Adelaide. Foi ficando e já não sai de cá. Adora o Surdinho e dão-se muito bem ;) Adora estar no puff a dormir, como podem comprovar nas fotos seguintes:

IMG_1884.JPG

IMG_1887.JPG

sheldon 1.jpg

sheldon 2.jpg

sheldon 3.jpg

 

 É um bebé muito atrevido e com muita energia...  às vezes dá cabo da paciência ao Surdinho. 

Mimo e Pulga

Olá a todos,

 

Agradeço o convite para fazer parte do Clube dos Gatos, e tenho todo o gosto em dar o meu contributo para enriquecer este espaço. Sei algumas coisas sobre gatos, não tudo, porque eles estão sempre a ensinar-nos coisas novas, e assim que me for possível falo um pouco sobre o que sei.

 

Fui ontem convidada para fazer parte dos Amigos dos Animais e hoje fiz a apresentação dos meus dois pimpolhos: o Mimo e o Pulga, pelo que, farei uma breve apresentação dos mesmos, com outros elementos, e farei o link para a apresentação que fiz nos Amigos dos Animais. Acho que não faz muito sentido, estar a fazer uma cópia do conteúdo e assim, ficam com novos elementos que na altura não referi.

 

O Mimo

O Mimo, tem 7 anos, está comigo desde os 5 meses, e é um gato muito meigo. Filho de gata caseira, pai incógnito, foi sempre muito mimalho e dependente de mim. Segue-me para todo o lado, e é tipo cão, quando não segue, eu chamo-o e e ele vem a correr. Passa os dias a dormir, não é muito brincalhão, e não gosta muito de brincar. Adora caçar borboletas e reclama se ouço música um pouco alta. Dá turrinhas, não gosta muito de andar ao colo, e adora pedir comida aos convidados, que sabe que com os de casa não tem tanta sorte. Adora "amassar o pão" na minha barriga e nos meus braços, e se passo a noite fora de casa, é uma festa quando chego. Dorme comigo, no inverno dorme do meu lado, junto à minha barriga debaixo dos cobertores, no verão prefere os pés ou a almofada. Adora dormir em cima de mim, se o deixar. É ladrão! Temos que ter muito cuidado com a comida que está em cima da mesa desprotegida, que na melhor oportunidade ele vai lá. É cuidadoso, só salta quando vê que há espaço para ele. Tem medo das alturas, gostava de subir para cima dos móveis da cozinha e depois tinha medo de descer. Acho que vê televisão, é vê-lo muito atento a olhar para a televisão quando já dormiu a sua sesta. Foi o meu primeiro gato, e desejo que seja imortal! 

1499629_10151953759893183_661585525_n.jpg

IMG_1534.JPG

O Pulga

O Pulga tem 4 anos, e está comigo desde os 2 meses. Foi um dos muitos animais que foi abandonado à porta de uma veterinária, e o meu Mulo fez-me a surpresa de mo trazer sem eu sequer suspeitar. Tinha o Mimo 2 anos na altura e apenas demorou 2 dias até que se pudessem juntar sem qualquer risco para a saúde do pequeno. Era do tamanho de uma Pulga, muito pequenino, saltitava como uma pulga, sempre aos saltinhos aos saltinhos, e trouxe umas pulguitas para casa. Ora, não poder-se-ia chamar de outra maneira! Supomos que seja filho de gatos vadios, sempre foi muito meigo em bebé, mas após a castração, com um ano de idade, tornou-se num gato muito arisco, essencialmente com o sexo feminino. Não suporta cheiros de outros animais, desde cheiros a coelho ou a cão, e fica agressivo com pessoas com esses odores. Tem um problema urinário, por isso só pode comer ração própria. Como não tenho possibilidades financeiras de lhes comprar Royal Canin, e eles também  não gostarem da ração Urinary da Specific, compro sacos de 15kg da Purina Cat Chow Urinary e para além de ambos adorarem, fez com que o Pulga nunca mais tivesse problemas. É um gato muito brincalhão, adora bolas de papel, adora abrir gavetas e tirar tudo cá para fora, adora roer cabos - já traçou phones, carregadores de telemóvel,.... Contrariamente ao Mimo não é nada cuidadoso, quando salta para algum lado, leva tudo à frente, e não tem qualquer medo de alturas, atira-se mesmo à maluco. Tal como o Mimo, adora "amassar o pão", baba-se quando está feliz, e adora fontes de calor: lareira, aquecedor,... É guloso, mas é esquisito para comer, não come nada sem cheirar pelo menos uns 2 minutos, mas depois por outro lado, lambe óleo de cozinha se nos apanha distraídos. 

 

pulga22.jpg

DSCF0125.JPG

 E pronto, estes são os gatos da Mula! 

Apresentação do Pepe, Gattuso e Tico

Vou apresentar-vos o meu Trio fantástico:

Olá eu sou o Pepe, o 1º gato a chegar a casa.

Tenho 11 anos, gosto muito de colinho, sou muito meiguinho mas muito ciumento

quero a dona só para mim.

Sou esterilizado, bem sei que sou gordinho ( alias fofinho) mas saúdavel.

Foi amor a primeira vista e esse amor tem durado e dado muitas alegrias.

Olá eu sou o Gattuso, o 2º gato a chegar a casa.

Tenho 3 anos, também sou esterilizado.

Sou um gato preto muito especial com uma personalidade interessante,

sou meiguinho mas não gosto de colo nem que peguem em mim,

gosto de ser eu a procurar meus donos.

Gosto de subir no ombro da minha dona enquanto lava a loiça

(depois mostro uma foto). E tambem quando ela está no pc.

Não sei miar lá muito bem, bem é esquisito até dizem que sou autista.

Olá eu sou o Tico, o 3º gato a chegar a casa.

Tenho 2 meses, sou um bebé ainda.

Bem minha história é engraçada.

Nasci no quintal da casa dos meus futuros donos que me adotaram,

apesar de já ter 2 gatos, o Pepe e o Gattuso.

Encontramos lá quintal por acaso uma gata com 2 filhotes recém- nascidos.

Decidimos cuidar deles até arranjarem donos.

Reparei que os olhos dos bebés tinham coriza e fui ao vet pedir uma receita,

comprei um xarope e colirio, os bebés ficaram curados.

Começaram a querer andar e um bebé foi para adoção, o outro foi ficando,

e decidimos ficar com ele.

Entretanto quando estavam desmamados a mãe foi embora,

não voltamos a vê-la.

Achamos que nada é por acaso e foi o Tico que nos escolheu.

Aos 6 meses será esterilizado.

Estamos muito felizes agora com a familia completa, nós os dois (eu e marido)

e nossa familia felina.

Temos mais animais, uma tartaruga hieroglifica com 13 anos.

2 porquinhas da india e peixes de água fria.

Turrinhas a todos :)

 

  • Blogs Portugal