Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Clube de Gatos do Sapo

Este blog pertence a todos os gatos que andam aqui pela plataforma do Sapo, e que pretendem contar as suas aventuras do dia a dia, dar conselhos, partilhar experiências e conhecimentos, e dar-vos a conhecer o mundo dos felinos!

Clube de Gatos do Sapo

Este blog pertence a todos os gatos que andam aqui pela plataforma do Sapo, e que pretendem contar as suas aventuras do dia a dia, dar conselhos, partilhar experiências e conhecimentos, e dar-vos a conhecer o mundo dos felinos!

Janeiro: o mês dos gatos

Resultado de imagem para janeiro gatos

 

Diz-se que janeiro é o mês dos gatos!

Que é nesta altura que os gatos andam doidos, atrás das fêmeas, e desaparecem até mesmo, por alguns dias, nessa procura.

Ou que são abandonados os gatos que foram oferecidos como presente de Natal, e começam agora, passadas as festividades, a ser descartados.

Mas há quem diga que não. Que não é em janeiro, mas sim em fevereiro, quando começa a haver mais horas de luz, suficientes para que as gatas com o cio reproduzam.

Ainda assim, em dezembro andavam por lá dois machos a tentar engatar a mais nova residente do bairro.

Já em abril e maio, começam a aparecer as primeiras ninhadas e, como tal, poderiam ser também, ambos, considerados, o mês dos gatos.

No entanto, em Portugal, é em junho que se comemora o Dia de Abraçar o Gato e, em agosto, o Dia Internacional do Gato e o Dia do Gato Preto.

Já nos Estados Unidos, é em outubro que se celebra o Dia Nacional do Gato e, em novembro, o Dia Nacional do Gato Preto.

Para mim, todos os meses são meses dos gatos!

De os mimar, de os amar, de os proteger e acarinhar, de os abraçar, de os beijar, de lhes retribuir tudo o que nos dão, dia após dia.

De ajudar aqueles que mais precisam, e não têm a sorte de ter um lar e uma família.

Mas janeiro é janeiro!

E é o mês do aniversário das duas felinas lá de casa – uma a 14, a outra a 24.

Contra todas as probabilidades, são quatro anos, e quarenta e oito meses, de muito amor, brincadeira, alegrias, aventuras e momentos inesquecíveis ao lado das duas bichanas.

Que venham muitos mais, e que 2020 seja o ano em que cada um de nós, à nossa maneira, possa fazer algo pelos felinos, em cada um dos dias e meses que o compõem!

 

 

* Artigo escrito para a Miau Magazine de janeiro.

  • Blogs Portugal

  • 6 comentários

    Comentar post