Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Clube de Gatos do Sapo

Este blog pertence a todos os gatos que andam aqui pela plataforma do Sapo, e que pretendem contar as suas aventuras do dia a dia, dar conselhos, partilhar experiências e conhecimentos, e dar-vos a conhecer o mundo dos felinos!

Clube de Gatos do Sapo

Este blog pertence a todos os gatos que andam aqui pela plataforma do Sapo, e que pretendem contar as suas aventuras do dia a dia, dar conselhos, partilhar experiências e conhecimentos, e dar-vos a conhecer o mundo dos felinos!

Mickey

Tenho estado em casa da minha irmã. E falo muito com os gatos dela.

O Destruction está  velhinho, não me liga menhuma, às vezes bufa-me. Mas também consigo fazer-lhe umas festinhas.

O Mickey é novo, tem muita genica, é malandro, brincalhão, adora saltar para cima da mesa.

Eu passo-me dos carretos.

Se em minha casa a Kat salta para a mesa, resmungo com ela, e digo " já para o chão!", e ela vai.

Estou a fazer o mesmo com o gato.E até vai cumprindo.

Quando a minha irmã está deitada no sofá, coberta com uma manta bem quente, ele mete-se por dentro dela, às vezes magoa a dona.

Mas é um fofo vê-lo dormir em cima das pernas dela.

E quando ela vai para a cama, ele adormece junto a ela, coisa que a Kat nunca fez.

Na primeira noite que fiquei lá, ambos estranharam, foram ao quarto e saltaram para cima da cama, passearam pelas minhas pernas, não era a dona deles, a Sofia, que estava na cama, saíram do quarto. Agora, nem lá entram quando me deito.

Mas de manhã, quando me levanto, vêm atrás de mim, porque querem que lhes dê patê.

A minha irmã está a fazer um enorme puzzle, e ontem, enquanto eu fazia palavras cruzadas, falava com os getos.

E diz ela: " já reparei que falas com os gatos."

Respondi que gosto de falar com a Kat, de lhe dar mimos, e que os nossos animais  dão-nos serenidade. Brinco com a Kat ( quando ela está para isso), e que, em vez de resmungar, ela devia fazer o mesmo: falar com os gatos, que é uma boa terapia, que eles gostam.

A filha levou os gatos para casa, mas estando no Porto, é a mãe que cuida deles. E ela que dizia que não queria animais dentro de casa.

Eu adoro pegar no Mickey e fazer diabruras com ele.

Tão fofo!

Sem Título.jpg

 

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.