Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Clube de Gatos do Sapo

Este blog pertence a todos os gatos que andam aqui pela plataforma do Sapo, e que pretendem contar as suas aventuras do dia a dia, dar conselhos, partilhar experiências e conhecimentos, e dar-vos a conhecer o mundo dos felinos!

Clube de Gatos do Sapo

Este blog pertence a todos os gatos que andam aqui pela plataforma do Sapo, e que pretendem contar as suas aventuras do dia a dia, dar conselhos, partilhar experiências e conhecimentos, e dar-vos a conhecer o mundo dos felinos!

Um produto que pode ajudar neste problema

Com a ajuda dos senhores da Feliway, começamos hoje uma nova tentativa, que envolve este produto [Feliway spray clássico] e também alguns outros conselhos que me deram através do mensager do site. Vamos ver se resulta e se o Riscas deixa de fazer xixi for da caixa da areia!

aqui falei sobre este problema comportamental do Riscas. Não tem sido fácil.

SquarePic_20220318_16220722.jpg

Uma boa causa

Tenho andado muito dedicada à colónia de gatos da minha rua que sempre aqui falei.

meninos da colonia.jpg

Como já aqui disse a colónia agora está legalizada, esterilizada. Os gatinhos têm uma veterinária que, sempre que é preciso receita remédios/tratamentos e até já veio á colónia para os observar. É uma pessoa que tem verdadeiro amor pelos animais e se preocupa com eles.

Também já está em curso o pedido de instalação de dois abrigos pela junta de freguesia.

A colónia tem até uma página de Facebook, onde vamos partilhando a vidinha deles, dando recados e alertando para determinadas situações.

Somos cinco cuidadoras, cada uma á sua maneira tem as suas tarefas e ajuda no que pode.

pagefacebook.jpg

Continua a ser um gosto, tratar, cuidar, alimentar e privar com eles. Tenho passado momentos de verdadeira ternura. Não são só eles que ganham, sou eu que sou uma sortuda por poder ajudá-los. Foi uma grande emoção, quando um dos gatos que está aqui há anos e nunca se deixou tocar, começar a aceitar festinhas, todo feliz!

O maior obstáculo tem sido o meu gato Riscas. Sempre que chego a casa com o cheiro de outros gatos, ele sente-se talvez ameaçado por achar que vai perder o lugar dele, e faz xixi fora da caixa da areia, em sinal de protesto.

Estive em isolamento 7 dias e como não pude sair, não trouxe nenhum cheiro para casa, e nesses dias, o Riscas, não verteu nem uma gota gota fora da caixa, portanto é mesmo a questão comportamental, ciumes, etc.

gatoriscas.jpg

É uma situação que eu hei-de resolver, mas ainda não sei como, porque nem quero que esta minha "função" de tratar dos outros gatos o faça sofrer, nem quero deixar esta causa que tanto me preenche!

causasnobres.jpg

O Riscas é ciumento e possessivo comigo!?

O Riscas sempre teve, a nível de comportamento, mau feitio.

Cheguei a ter medo dele, quando me atacava constantemente. Com a vinda do Rafael, deixou de me atacar, talvez porque passou a ter alguém da espécie dele para atacar/brincar!

No entanto, quando chego a casa vai-me logo cheirar. Se lhe cheirar que eu estive com outros gatos, vai logo manifestar o seu descontentamento, deixando o seu desagradável perfume de nome xixi, fora da caixa da areia. Tento sempre ir logo mudar de roupa e deixar o calçado desinfetado.

Já não se manifestava há dois meses (porque eu anoto as datas), mas no dia das capturas, eu estive mais de duas horas a mexer com os gatos da rua. Estava tão empolgada a contar como tudo tinha corrido às pessoas que estavam em casa, que nem me lembrei da roupa. Ele cheirou-me toda e nem liguei. Entretanto uma hora depois fez o seu xixi reclamativo num tapete!

O que me disseram é que ele se sente ameaçado, por achar que vou trazer outros gatos para casa, e quer logo marcar aquele território como dele. Também me quer só para ele!

Enfim, gatos problemáticos! É aceitar e pronto!

IMG_20211016_140744_BEAUTY.jpg

A orelha do Riscas

orelhitamurcha.jpg

Não sei se já repararam na orelha do Riscas. Está assim descaída, porque ele teve um otohematoma,  (que é tipo uma bolha de sangue, que enche mais a cada dia) teve de ser operado. Andou com um "brincos", andou com um colar. Teve uns dias difíceis! ele e nós porque tínhamos de estar sempre atentos para os dois não brigarem, e do Rafael não tocar na orelha do amigo!

IMG_20210925_151340_BEAUTY.jpg

Ia de colar até ao WC, por  isso a porta tinha de estar aberta para ele não andar a chocar com a mesma!

IMG_20210923_094658_BEAUTY.jpg

Andava aborrecido por usar o dito colar, mas tinha mesmo de o usar! Cheguei a apanhar um susto, porque na tentativa de ele o tirar, estava a sufocar!

IMG_20210925_175620_BEAUTY.jpg

SquarePic_20210920_15115488.jpg

Segundo a veterinária, e,uma vez que não tinha nenhuma otite, este problema deve ter surgido, devido ás brincadeiras entre eles os dois!

Ao fim de uns dias ficou tratado, mas infelizmente a orelha vai ficar assim descaída. Não é só uma questão de estética, mas também pelo facto  de estando assim, ser mais propicio ao surgimentos de alguma otite!

Mas enfim, o importante é ele estar bem!

Fatores que perturbam um gato, ao ponto de fazer xixi fora da caixa

Em relação ao Riscas, resolvi anotar as datas em que ele faz xixi fora da caixa. Ando a ver se descubro, o que o motiva, já que não é, à partida um problema de saúde, mas sim um problema comportamental.

A veterinária disse para ter atenção a qualquer mudança na rotina, por mais insignificante que possa parecer. 

  • Notei que fez  numa altura, em  que não havia a areia habitual deles e usei outra ;
  • Fez quando começou a pandemia e havia mais gente em casa durante o dia;
  • Fazia sempre que vinha  cá alguém a casa, incluindo o técnico da televisão por cabo;
  • E fazia outras vezes, em que eu não encontrava motivo aparente.

Da última vez que fez eu tinha estado em contacto com os gatos da rua, ao ponto de eles me darem turinhas e se esfregarem nas minhas calças. 

Entretanto, desde a morte de um dos gatos de rua, apesar de os continuar a alimentar, não havia nenhum a se esfregar nas minhas calças.

Porém, o Ceguinho, começou a se esfregar, e eu assim que chegava a casa, não deixava que o Riscas cheirasse as calças, punha logo para lavar.

Mas ontem, descuidei-me. Depois de vir da rua, onde o bichano da rua tinha estado a dar- me muitas turrinhas, sentei-me e estive ali um tempo a mexer no telemóvel. O Riscas cheirava- me, olhava fixamente para mim, e também se esfregava nas minhas pernas.  Pensei: " bolas esqueci-me, espero bem que não faça xixi"!

Pois não é que fez!? Esteve quase dois meses sem fazer! 

Suponho que fique em stresse e a achar que vou levar mais algum gato para casa, e ele não quer dividir as atenções com mais ninguém, já lhe chega o Rafael!

Então, além de todos os pontos que mencionei em cima, o facto da dona  estar em contato com outros gatos, também o perturba, ao ponto de se manifestar o seu descontentamento , através de um xixi fora da caixa!

SquarePic_20210803_09275467.jpg

Depois, quando meti o tapete com o xixi dele na máquina de lavar, ainda teve o descaramento de  lá ir  inspecionar!